Blog do Ricky » PCdoB

Posts Tagged ‘PCdoB’

A RESPOSTA

Escrito por Carlos Henrique em .

Davidson Magalhães contra Geraldo Simões

Quem achou que Davidson Magalhães (à direita) iria ouvir calado as provocações do deputado Geraldo Simões, se enganou muito. Davidson responderá a Geraldo no programa “Conexão Direta” desta terça-feira (05), a partir das 7hs, na Rádio Nacional. Fotomontagem: Eduardo Mello / Blog do Ricky.

Durante o final de semana, o deputado federal Geraldo Simões (PT/BA) deixou de lado as regras da “boa convivência” e resolveu “partir com tudo” no enfrentamento direto daqueles que possivelmente serão seus adversários no pleito eleitoral do ano que vem.

E o seu primeiro alvo, quem diria, foi nada mais nada menos que o presidente da Bahiagás, Davidson Magalhães, pré-candidato ao mesmo cargo hoje ocupado por Geraldo. Apesar de fazerem parte de dois “partidos amigos”, parece que, na compreensão de Geraldo, a “amizade partidária” pode até existir, mas o que vale mesmo são os pingos nos “is” e os votos nas urnas.

E, para tentar debelar a pré-candidatura de Davidson, usou os microfones da Rádio Difusora para imputar ao atual presidente da Bahiagás o rótulo de “mau gestor”, indicando que, em suas mãos, a estatal baiana joga dinheiro fora.

Quem acreditou que Davidson escutaria tudo e ficaria quieto, enganou-se estratosfericamente. Davidson Magalhães entrou no “ringue” e “está chamando Geraldo para a briga”, prometendo devolver na mesma moeda aos “golpes” recebidos.

Nesta terça-feira (05), o presidente da Bahiagás concederá entrevista ao vivo ao programa “Conexão Direta”, transmitido pela Rádio Nacional, a partir das 7hs. Davidson promete “responder” diretamente às acusações feitas seu “neo rival político amigo partidário”, que, se conseguiu atingir a ira de Geraldo, no mínimo, é porque pode já estar pontuando bem em pesquisas de consumo interno.

JORGE AMADO E MARIGUELLA RECEBEM DE VOLTA SEUS MANDATOS DE DEPUTADOS

Escrito por Carlos Henrique em .

O escritor Jorge Amado e o líder guerrilheiro Carlos Mariguella estão entre os deputados cassados que receberão seus mandatos de volta, 65 anos depois. Fotomontagem: Eduardo Mello / Blog do Ricky.

A Câmara dos Deputados realiza nesta terça-feira (13) uma sessão solene que devolverá simbolicamente os mandatos dos 14 deputados federais do Partido Comunista do Brasil (PCB) eleitos em 1945 para a Assembleia Constituinte de 1946 e cassados em 1948. Entre os parlamentares cassados estavam o escritor Jorge Amado; o político e guerrilheiro Carlos Marighella; Maurício Grabois, um dos fundadores do PCdoB; e João Amazonas. Todos esses nomes se transformaram em personagens históricos da luta contra a ditadura do Estado Novo (entre 1937 e 1945) e a ditadura militar (entre 1964 e 1985).

Além destes deputados, também foram cassados e receberão seus mandatos de volta: Francisco Gomes, Agostinho Dias de Oliveira, Alcêdo de Moraes Coutinho, Gregório Lourenço Bezerra, Abílio Fernandes, Claudino José da Silva, Henrique Cordeiro Oest, Gervásio Gomes de Azevedo, José Maria Crispim, Oswaldo Pacheco da Silva.

“Para os militantes da esquerda brasileira e o povo é, sem dúvida alguma, um fato histórico. A devolução dos mandatos caminha no sentido de corrigir e reparar uma injustiça aos constituintes comunistas da década de 40, mas também de valorizar suas conquistas que perduram até hoje em nossa República”, diz a deputada Jandira Feghali (PCdoB / RJ), autora do requerimento para a realização da sessão solene. Ela lembra que o escritor Jorge Amado, por exemplo, é autor da lei que regulamentou a liberdade religiosa no Brasil.

A devolução dos mandatos aos deputados cassados é possível devido a uma resolução aprovada na Câmara em março deste ano que anulou a resolução da Mesa Diretora da Casa adotada em 10 de janeiro de 1948. A resolução de 1948 extinguiu os mandatos dos deputados federais sob a legenda do Partido Comunista do Brasil.

A Mesa da Câmara atual considerou que a decisão da década de 40 contrariou a Constituição Federal democrática de 1946, promulgada após o governo de Getúlio Vargas (1930 a 1945).

A neta do ex-guerrilheiro Carlos Marighella, Maria Fernandes Marighella, representará o avô na sessão. Jorge Amado será representado pelos filhos Paloma e João Jorge Amado.

Esta é a segunda vez que a Câmara dos Deputados promove uma sessão com este fim. Em dezembro do ano passado, a instituição fez a devolução simbólica dos mandatos de 173 deputados que foram cassados a partir de 1966, durante o período dos governos militares. As informações são da Agência Câmara.

ENCONTRO DO PCDOB REÚNE 200 PESSOAS

Escrito por Nanda em .

Wenceslau Junior disse que a meta do partido é contribuir para realizar grandes governos (Foto: Dany Muniz)

Cerca de 200 lideranças de 31 municípios do Litoral Sul, Médio Rio de Contas e Itapetinga participaram nesta terça-feira (19) do Encontro Regional do PCdoB, realizado em Itabuna, no Sul da Bahia. O objetivo do encontro foi definir a atuação política do partido este ano com vista às eleições de 2014, quando serão eleitos novos deputados estaduais e federais e também os cargos majoritários de senador, governador e presidente da República.

“Nosso partido saiu extremamente fortalecido das eleições municipais, principalmente aqui na região, quando jogamos papel importante na eleição dos prefeitos dos dois maiores municípios da região, Jabes Ribeiro, de Ilhéus, e o companheiro Vane, de Itabuna”, ressaltou Davidson Magalhães, vice-presidente estadual do PCdoB.

“Elegemos também Marquinhos de Itagibá, um município importante da região, o vice de Uruçuca, Marcelo Dantas, e ampliamos o número de vereadores”, pontuou Davidson Magalhães, que também é dirigente da Companhia de Gás da Bahia(Bahiagás).

Davidson analisou o quadro politico nacional, que, para ele, é amplamente favorável à reeleição da presidente Dilma Rousseff e a eleição do sucessor do governador Jaques Wagner. “O povo não vai trazer de volta o retrocesso representado pelo PSDB. Vai manter o projeto politico que tem assegurado avanços para a sociedade”.

A estratégia do PCdoB para 2014 é ampliar para cinco o número de deputados estaduais e elevar para três os parlamentares federais da legenda na Bahia. Nacionalmente, o partido quer eleger 20 deputados federais. Professor universitário, economista e dirigente comunista há 30 anos, Davidson Magalhães é um dos nomes na disputa por vagas na Câmara Federal.

“É para coroar uma história de luta e dedicação em defesa da sociedade há mais de 30 anos”, disse o médico e secretário municipal da Saúde de Itabuna, Renan Araújo, que, ao lado de Davidson, Fátima Freire, e o já falecido Gustavo Silveira junto com outros dirigentes, foram responsáveis por reorganizar a legenda na região na década de 80.

O dirigente estadual da legenda e vice-prefeito de Itabuna, Wenceslau Júnior, disse que a tática do PCdoB é contribuir para realizar um grande governo nas cidades onde participa da gestão. “A nossa legenda está crescendo. Vamos ter candidato ao governo do Maranhão, com o atual presidente da Embratur , Flávio Dino, e na Bahia assegurar os mandatos de Alice Portugal e Daniel Almeida e eleger um grande quadro que é Davidson”.

Entusiasmadas, as lideranças municipais da legenda avaliaram como exitosa a reunião e o comprometimento com o projeto politico do partido.

DEPUTADA SOLICITA EXPLICAÇÕES SOBRE “CONCURSO DA VIRGINDADE”

Escrito por Nanda em .

Deputada quer explicações

Deputada quer explicações

Hoje, na tribuna da Câmara dos Deputados, a deputada federal Alice Portugal (PCdoB), única mulher da bancada baiana na Câmara, manifestou indignação quanto ao item do Edital do Concurso Público da Polícia Civil do Estado da Bahia, que dispensa o exame ginecológico para as mulheres com hímen integro, mas ao mesmo tempo exige que a candidata comprove a virgindade.

“No momento em que a Presidenta Dilma lança o programa Mulher – Viver Sem Violência retorno para Salvador para pedir explicações ao secretário da administração da Bahia sobre o edital do concurso da Polícia Civil que exige atestado de virgindade em troca da dispensa da avaliação ginecológica detalhada”.

Alice lembra que é comum em todos os concursos a exigência de exames pré-admissionais, entretanto neste caso, “nessa situação é um excesso, é um detalhe constrangedor que invade a dignidade da pessoa humana, a dignidade das mulheres”.

Enquanto única mulher da bancada baiana na Câmara a deputada defende que o item seja retirado imediatamente do edital, convocando o pronunciamento da Bancada Feminina e a intervenção da Procuradoria da Mulher da Câmara dos Deputados sobre o assunto.

A Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Bahia, também emitiu nota de repúdio, publicada no site da Ordem, considera a exigência “extremamente, abusiva e desarrazoada em virtude da grave violação ao inciso III do art. 1º da Constituição Federal de 1988, que consagra o Princípio da Dignidade da Pessoa Humana, bem como ao art. 5º do citado Diploma Legal, que dispõe sobre o Princípio da Igualdade e o Direito a Intimidade, Vida Privada, Honra e Imagem”.